Poço Iohane

O projeto

Iohane é um bairro, habitado por cerca de 2.500 habitantes, localizado na periferia de Monapo, capital do distrito rural no norte de Moçambique. A população local é na maioria dos casos dedicado à agricultura de subsistência, cujo desenvolvimento está bloqueado por falta de fontes de água que possam garantir um fornecimento constante de água. Esta área não é de fato atravessado por rios: o mais importante rio da região, o Rio Monapo, flui em cerca de dez milhas de distância, assim na estação seca, ou seja de junho a dezembro, o acesso à água para as famílias é problemático.

Durante a estação chuvosa (de janeiro a maio), o problema é parcialmente resolvido pela escavação manual de poços a uma profundidade de cerca de um metro, alimentados pela precipitação. Para além destas infra-estruturas rudimentares, há um tanque com capacidade de 2 metros cúbicos, construído em 1992. Mas já a partir de junho e os poços que o tanque começa a ter problemas de abastecimento, para ser descarregado a partir de outubro a dezembro, a época mais quente do ano.

Em qualquer caso, o uso doméstico, ou para higiene e alimentação, de água da chuva ou da superfície de aqüíferos não garante a potabilidade: conseqüentemente, há inúmeros casos de doença atribuível ao consumo de água contaminada (disenteria, febre tifóide, verminose), que fazem precário o trabalho dos adultos e intermitente a freqüência escolar de crianças e jovens.
Por esta razão, o Conselho Municipal de Monapo incluído entre as prioridades a construção de um poço em Iohane, que dê a possibilidade de levar água potável a partir de um aqüífero profundo. O projeto foi assumido por a ONG local Watana, que em 2010 já fez um trabalho semelhante a Mucaca, outro bairro de Monapo.

A escavação em si será precedida de um estudo geofísico para determinar onde a área envolvida em que a perfuração, a fim de interceptar o lençol freático. Dada a composição do subsolo da área, espera-se que será necessário perfurar o solo a uma profundidade de 50 metros. Quando a água será encontrada, a escavação será coberto com uma camada de areão no fundo, para atuar como um filtro, e revestida com tubos de pvc empilhadas com função de contenção do solo. Concluída a estrutura interna, o poço será fechado com uma laje de cimento, onde será instalada uma bomba manual.